A Apple está sendo processada por supostamente esconder o recorte da tela dos novos iPhones em propagandas

A Apple está sendo processada por supostamente esconder o recorte da tela dos novos iPhones em propagandas

Outro dia, outro processo envolvendo a Apple.

Um processo recém-aberto tem como alvo o marketing questionável da empresa para promover os aparelhos iPhone X, iPhone XS e iPhone XS Max. A ação alega, entre outras coisas, que a empresa enganou seus consumidores quanto a especificações de quantidade de pixels da tela, bem como ocultou o entalhe na tela de novos telefones usando papéis de parede enganosos. Na ação apresentada no Distrito Norte da Califórnia, na sexta-feira, dois autores alegam que os telefones não são, de fato, “all screen” — expressão que significa algo como “cuja tela que ocupa toda a parte da frente do aparelho” — como anunciado.

• A incrível evolução dos recortes nas telas dos smartphones: das grandes bordas às telas completas

“O engano do tamanho da tela é simplesmente baseado nos cantos cortados da Apple — o Réu arredonda os cantos das telas dos Produtos, e os Produtos têm entalhes sem pixels na parte superior de suas telas, mas o Réu calcula o tamanho da tela dos Produtos incluindo áreas que não têm tela, como os cantos e o entalhe recortado na parte superior”, afirma o processo. “As áreas de tela ausentes também reduzem a contagem de pixels das telas dos Produtos abaixo da contagem de pixels anunciados.”

Ao não contabilizar os cantos recortados e recortes de entalhe, a Apple deturpou as medidas das telas em “cerca de 1/16 de polegada”, afirma o processo — isso dá 1,6 milímetro. O processo também afirma que um dos demandantes “acreditava que o iPhone XS e o XS Max não tinham um recorte no alto no telefone” por causa da maneira como foi retratado em materiais de marketing — o que, honestamente, faz sentido.

Imagem: Alex Cranz / Gizmodo

Processos judiciais contra a Apple surgem com alguma frequência, mas esse é um caso interessante para o alegado marketing suspeito da Apple sobre seus modelos mais novos. Como alguns apontaram há alguns meses, os fundos parcialmente pretos que a Apple escolheu para o seu iPhone XS e XS Max em materiais de marketing e propagandas fizeram com que o entalhe desaparecesse.

Em setembro, o Gizmodo escreveu que poderia haver uma acusação de que a Apple estava escondendo o entalhe ao optar por um fundo que obviamente disfarçava o recorte. Da mesma forma, no entanto, a decisão talvez tenha sido um descuido por parte da empresa (embora seja da Apple que estamos falando aqui).

O processo está atualmente buscando o status de ação de classe. A Apple não retornou imediatamente um pedido de comentário sobre o processo.

Então, mais uma besteira que vai parar na justiça, ou uma defesa justa do consumidor para impedir que as empresas passem dos limites em seu marketing?

[CNET]

Referencia

2018-12-17T07:20:53+00:00

Leave A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

This website uses cookies and third party services. Ok